Folha Espirita online http://www.folhaespirita.com.br/v2 46 anos pt-br Edição maio de 2020 http://www.folhaespirita.com.br/v2/node/773 <p><a href="https://pt.calameo.com/read/0001436978e7a06027c1d" target="blank"><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/capinhas/capa-05-20.jpg" width="400" alt="FE de maio 2020" title="FE maio 2020" align="left" style="margin: 15px 15px 5px 0px" /></a><br /> <b>DESTAQUES DESSA EDIÇÃO</b></p> <ul> <img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Coronavírus: uma reflexão com base em Kardec e o olhar médico-espírita <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Na trilha de um mundo melhor</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> O indígena sob a ótica espírita</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Crianças na quarentena</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> O verdadeiro seguidor do Cristo</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Espírito, perispírito e alma</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Arigó em breve nos cinemas</p> </ul> <p><br /><br /> Clique na imagem ao lado para ler.<br /> <br /><br /> O acesso é livre a todos os visitantes do site.<br /> <br /><br /> <br /><br /> <br /><br /> <br /></p> <p><b>EDITORIAL</b></p> <p><b>A caminho de um mundo melhor</b></p> <div align="justify"> A máxima “fora da caridade não há salvação” exprime a força e presença do Cristianismo puro na Doutrina Espírita. Conforme o capítulo XV de O Evangelho segundo o Espiritismo, toda a moral de Jesus se resume nestas duas palavras: caridade e humildade. E o que o momento atual teria a ver com sentimentos tão sublimes? <p>Neste momento de pandemia, com a Covid- 19, todos temos tido a oportunidade de exercitar os nossos impulsos de caridade, sejam eles por meio da prece, dos pensamentos ou de ações. Observa-se que pessoas, organizações e empresas têm se mobilizado ao redor do planeta, doando dinheiro, recursos e todo o tipo de auxílio para sustentar as camadas mais pobres da população, impossibilitada de garantir a sua própria subsistência, além de materiais e equipamentos de proteção para profissionais da área da saúde, que agora se encontram diante do enorme desafio de arriscar suas próprias vidas em favor dos milhões de cidadãos contaminados. O sentimento de união surge com força em toda a parte, pois há uma consciência de que estamos todos na mesma “tempestade”, e não basta salvar a si mesmo sem estender a mão para o semelhante.</p> <p>Encontramos no capítulo XVIII de A Gênese, de Allan Kardec, livro publicado em 1868, a seguinte reflexão, que nos ajuda a compreender o momento atual: “Até aqui, a humanidade tem realizado incontestáveis progressos. Os homens, com a sua inteligência, chegaram a resultados que jamais haviam alcançado, sob o ponto de vista das ciências, das artes e do bem-estar material. Resta-lhes, ainda, um imenso progresso a realizar: fazerem que reinem entre si a caridade, a fraternidade e a solidariedade, que lhes assegurem o bem-estar moral. [...] O homem já não necessita somente de desenvolver a inteligência, mas de elevar o sentimento; para isso, faz-se preciso destruir tudo o que superexcite nele o egoísmo e o orgulho”.</p> <p>Não seria justamente a pandemia uma oportunidade bendita para nos sentirmos irmãos em humanidade, uns dos outros? Não seria esta a ocasião certa para operarmos a revolução moral que tanto almejamos? A pandemia que, para alguns, parece ser uma verdadeira tragédia que vem atrapalhando vidas, negócios e causando estragos na economia mundial, pode ser vista por outra perspectiva, mais profunda e renovadora.</p> <p>Continuamos em A Gênese: “É o que se nota quase sempre depois dos grandes choques que dizimam as populações. Os flagelos destruidores apenas destroem corpos, não atingem o Espírito; ativam o movimento de vaivém entre o mundo corpóreo e o mundo espiritual e, por conseguinte, o movimento progressivo dos Espíritos encarnados e desencarnados. É de notar-se que, em todas as épocas da história, as grandes crises sociais foram seguidas de uma era de progresso. Opera-se presentemente um desses movimentos gerais, destinados a realizar uma remodelação da humanidade”.</p> <p>Fica aqui o convite para que aproveitemos o momento atual colocando em prática os nossos valores cristãos com ainda mais determinação, fé e amor. É hora de entendermos que, ao renovarmos o nosso íntimo, buscando dar o nosso melhor em tudo o que fizermos, buscando na caridade, na humildade e no amor ativo o nosso caminho, estaremos criando, por consequência, possibilidades de paz e harmonia em nosso planeta nesta nova etapa que se inicia.<br /> Sigamos confiantes! </p></div> Wed, 06 May 2020 14:27:21 +0000 Editor 773 at http://www.folhaespirita.com.br/v2 Comunicado http://www.folhaespirita.com.br/v2/node/771 <p><img src="http://folhaespirita.com.br/v2/imgs/aviso.jpg" width="610" /></p> Tue, 07 Apr 2020 00:31:06 +0000 Editor 771 at http://www.folhaespirita.com.br/v2 Edição abril de 2020 http://www.folhaespirita.com.br/v2/node/770 <p><a href="https://pt.calameo.com/read/00014369783a40363d685" target="blank"><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/capinhas/04-20.jpg" width="400" alt="FE de abril 2020" title="FE abril 2020" align="left" style="margin: 15px 15px 5px 0px" /></a><br /> <b>DESTAQUES DESSA EDIÇÃO</b></p> <ul> <img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Coronavírus, o mundo nunca mais será o mesmo <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Espiritismo e Física Quântica</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Evidências da reencarnação</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Um novo amanhecer</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Crianças em casa. O que fazer?</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Incapacidade e Espiritismo</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Diário de um médico espírita</p> </ul> <p><br /><br /> Clique na imagem ao lado para ler a edição de abril.<br /> <br /><br /> O acesso é livre a todos os visitantes do site.<br /> <br /><br /> <br /><br /> <br /><br /> <br /></p> <p><b>EDITORIAL</b></p> <p><b>Abrindo as janelas para um novo amanhecer</b></p> <div align="justify"> Nos últimos dias, não foram poucas as vezes que nos deparamos com vídeos nas redes sociais mostrando vozes solidárias embalando os ouvidos de vizinhos que, provavelmente, pouco falavam ou mal se conheciam. Palmas nas janelas das sacadas em momentos únicos, celebrados com intensidade, em vários cantos do mundo. Pessoas que antes não tinham tempo, pela correria de seus dias, trancafiados em seus apartamentos, têm buscado, de alguma forma, não se sentirem tão sozinhas. Cantam parabéns para um amigo que faz aniversário, promovem pequenas festas, happy hours, almoços, lanches e jantares, tudo on-line. Vivem experiências únicas e aprendem novas formas de não estarem só. <p>A verdade é que esse pequeno ser invisível nos tem feito voltar a enxergar as pessoas que estão ao nosso redor. Na família, vemos um movimento de retorno ao lar. Voltamos a estar juntos, a conversar, a fazer coisas que há tempos não fazíamos. Talvez uma oportunidade, do ponto de vista reencarnacionista, de resolver temas inacabados e diferenças, por meio do reconhecimento das virtudes,<br /> como a paciência, a generosidade e a gratidão.</p> <p>Um movimento crescente de solidariedade também vem despontando. Na comunicação, jornais e emissoras abriram suas plataformas em prol das notícias, tão importantes neste momento, pessoas criaram movimentos de ajuda aos vizinhos, principalmente idosos. Na semana do fechamento desta edição, vimos acelerar o movimento de ajuda aos mais carentes em nosso país, certamente os mais atingidos pelo isolamento social. Vamos ganhando, assim, a consciência sobre estarmos todos no mesmo barco e a necessidade de ajudarmos uns aos outros em prol do próximo mas de nós mesmos.</p> <p>O que será do nosso futuro? Hoje, ninguém tem essa resposta, mas o que todos temos a certeza é que este momento de introspecção nos fará refletir sobre o que somos e, principalmente, sobre o que de fato queremos ser e ter para nossas vidas. Não sabemos ainda por quanto tempo ainda viveremos essa experiência inédita em nosso planeta, mas certamente sairemos diferentes disso tudo. Esperamos que quando a porta das nossas casas voltar a se abrir, passemos a dar mais valor a tudo o que está a nossa volta e ajudemos a construir um mundo mais fraternal e mais justo para todos nós.</p></div> Tue, 07 Apr 2020 00:03:45 +0000 Editor 770 at http://www.folhaespirita.com.br/v2 Edição março de 2020 http://www.folhaespirita.com.br/v2/node/769 <p><a href="https://pt.calameo.com/read/000143697a9a5aa303dc6" target="blank"><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/capinhas/03-20.jpg" width="400" alt="FE de janeiro 2020" title="FE janeiro 2020" align="left" style="margin: 15px 15px 5px 0px" /></a><br /> <b>DESTAQUES DESSA EDIÇÃO</b></p> <ul> <img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Violência entre familiares, como explicar? <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Lições que o coronavírus nos traz</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Gravidez na adolescência pede ações</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> O pensamento como força criativa</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Correntes mentais e associações</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Diário de um médico-espírita</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Vizinhos unidos por uma vida mais feliz</p> </ul> <p><br /><br /> Se você é assinante da versão online, clique na imagem ao lado para ler a edição atual. <br /><br /> Se ainda não é assinante, <a href="http://www.feeditora.com.br/folha-espirita/promocao-de-aniversario-43-anos" target="blank">assine agora mesmo aqui e ganhe de brinde o livro <i>O Legado de Marlene Nobre</i>.</a><br /> <br /></p> <p><b>EDITORIAL</b></p> <p><b>Nossa homenagem às mulheres</b></p> <div align="justify"> O mês de março é sempre marcado por comemorações que enaltecem as mulheres, o que é muito justo, no entanto é extremamente triste que a celebração aconteça com dados alarmantes sobre feminicídio no país. A matéria publicada em 22 de fevereiro na Folha de S.Paulo nos apresenta números consolidados de 2019 e aponta um aumento de 7,2% no número de casos no Brasil. Ao nos depararmos com essa notícia, pensamos: quanto tempo ainda vamos demorar para amadurecermos como uma sociedade capaz de respeitar, valorizar e criar condições de igualdade entre homens e mulheres? <p>Em O livro dos Espíritos, a questão n.822 não nos deixa dúvidas ao questionar: “sendo iguais perante a lei de Deus, devem os homens ser iguais também perante as leis humanas? O primeiro princípio de justiça é este: não façais aos outros o que não quereríeis que vos fizessem. a) Assim sendo, uma legislação, para ser perfeitamente justa, deve consagrar a igualdade dos direitos do homem e da mulher? Dos direitos, sim; das funções, não. Preciso é que cada um esteja no lugar que lhe compete. Ocupe-se do exterior o homem e do interior a mulher, cada um de acordo com a sua aptidão. A lei humana, para ser equitativa, deve consagrar a igualdade dos direitos do homem e da mulher. Todo privilégio a um ou a outro concedido é contrário à justiça. A emancipação da mulher acompanha o progresso da civilização. Sua escravização marcha de par com a barbaria. Os sexos, além disso, só existem na organização física. Visto que os Espíritos podem encarnar num e noutro, sob esse aspecto nenhuma diferença há entre eles. Devem, por conseguinte, gozar dos mesmos direitos”.</p> <p>Dados estarrecedores como os divulgados na Folha de S.Paulo mostram o quanto ainda estamos distantes de vivenciarmos valores morais em que a igualdade possa ser uma realidade, o que seria um passo fundamental para que a barbárie da violência não continuasse em uma escalada de crescimento.</p> <p>Não nos faltam exemplos na literatura espírita de trajetórias de amor que nos emocionam e inspiram na aquisição de valores espirituais e nos demonstram claramente que no mundo espiritual a vivência do amor que essas almas grandiosas empregaram em suas vidas prosseguem para toda a eternidade. Cabe-nos a cada dia mais lutarmos para que os valores cristãos possam se fazer presentes em nossa sociedade, estimulados em nossos lares, nossos locais de trabalho e nos ambientes acadêmicos, para que seja reconhecido e valorizado o papel das mulheres em nossa sociedade.</p> <p>O mundo de regeneração que certamente avançaremos só será uma realidade quando formos capazes de compreender que somos todos irmãos, independentemente de sexo, raça, cor ou credo. Registramos nossa sincera homenagem a todas as mulheres, nossas genitoras, que tanto fizeram por nós, que desempenharam papéis marcantes em nossa sociedade e no Movimento Espírita. </p></div> Mon, 09 Mar 2020 17:38:43 +0000 Editor 769 at http://www.folhaespirita.com.br/v2 Edição de fevereiro 2020 http://www.folhaespirita.com.br/v2/node/768 <p><a href="https://pt.calameo.com/read/000143697fc6fe2e70dcc" target="blank"><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/capinhas/02-20.jpg" width="400" alt="FE de janeiro 2020" title="FE janeiro 2020" align="left" style="margin: 15px 15px 5px 0px" /></a><br /> <b>DESTAQUES DESSA EDIÇÃO</b></p> <ul> <img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Em momento de transição, jovens se comprometem com a evolução moral do planeta <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Equilíbrio da mente e do pensamento</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Há um trabalho esperando por cada um de nós</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> O caso Ruytemberg Rocha</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> O futuro a Deus pertence</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Dinâmica da empatia</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Síndrome de déficit de natureza</p> </ul> <p><br /><br /> Se você é assinante da versão online, clique na imagem ao lado para ler a edição atual. <br /><br /> Se ainda não é assinante, <a href="http://www.feeditora.com.br/folha-espirita/promocao-de-aniversario-43-anos" target="blank">assine agora mesmo aqui e ganhe de brinde o livro <i>O Legado de Marlene Nobre</i>.</a><br /> <br /></p> <p><b>EDITORIAL</b></p> <p><b>Sem amadurecimento moral, desigualdade social prevalecerá</b></p> <div align="justify"> Em 20 de janeiro, tivemos acesso ao último relatório da confederação filantrópica Oxfam, que mostra que a desigualdade se perpetua. O fato que merece destaque é que, além das desigualdades sociais, as informações analisadas trouxeram um recorte mostrando que a desigualdade se aprofunda em relação aos gêneros, em que podemos ver, por exemplo, que mulheres e meninas são sobrecarregadas com uma responsabilidade desproporcional pelo trabalho de cuidados e com menos oportunidades econômicas. Segundo o estudo, a desigualdade econômica está fora de controle, pois, em 2019, 2.153 bilionários tinham mais patrimônio do que 4.6 bilhões de pessoas. O presidente da Oxfam Índia, Amitabh Behar, faz um alerta: “Nossas poucas economias estão enchendo os bolsos de bilionários e grandes empresas às custas de homens e mulheres comuns”. <p>Diante disso, perguntamos: qual seria o caminho? Todos os dias vemos governos do mundo todo entoando um mantra eterno que tem como base o crescimento econômico como forma de reduzir a desigualdade, ou seja, deve-se impulsionar a produção e o consumo para que a máquina possa gerar mais renda e mais empregos, tudo isso impulsionado por um cenário que obriga a uma única saída: crescer e crescer mais. Além da pesquisa, a Oxfam faz referência a uma pesquisa do Banco Mundial que nos alerta que diminuir a desigualdade teria um efeito maior na redução da pobreza extrema do que no crescimento econômico. Behar afirma: “A análise mostra que se os países reduzissem a desigualdade de renda em 1% a cada ano, 100 milhões a menos de pessoas estariam vivendo em extrema pobreza em 2030”.</p> <p>O bilionário Bill Gates é um dos defensores de que os bilionários paguem mais imposto, incluindo ele mesmo. O fundador da Microsoft acredita que aumentar os impostos dos mais ricos seria a solução para diminuir a desigualdade social. Segundo ele, a desigualdade está crescendo, e a distância entre as menores e maiores riquezas nos EUA é muito maior do que era 50 anos atrás: “Eu fui desproporcionalmente compensado pelo trabalho que fiz, enquanto muitos que trabalham tão duro quanto eu enfrentam dificuldade para se manter”.</p> <p>O benfeitor Emmanuel nos orienta sobre isso na questão n. 55 do livro O Consolador, no brilhante capítulo sobre sociologia, respondendo à seguinte questão com foco nas necessárias transformações de nosso mundo: “A desigualdade verificada entre as classes sociais, no universo dos bens terrenos, perdurará nas épocas do porvir? A desigualdade social é o mais elevado testemunho da verdade da reencarnação, mediante a qual cada Espírito tem sua posição definida de regeneração e resgate. Nesse caso, consideramos que a pobreza, a miséria, a guerra, a ignorância, como outras calamidades coletivas, são enfermidades do organismo social, devido à situação de prova da quase generalidade dos seus membros. Cessada a causa patogênica com a iluminação espiritual de todos em Jesus Cristo, a moléstia coletiva estará eliminada dos ambientes humanos”.</p> <p>Ao nos depararmos com mais um relatório como esse da Oxfam, não podemos nos furtar de que as mudanças do porvir necessariamente necessitam de uma verdadeira transformação nos valores humanos. É necessário que possamos nos conscientizar que o equilíbrio deve ser uma realidade, e não uma busca obsessiva por um crescimento econômico, em que bilhões de pessoas continuam a ser pressionadas para que poucos possam ter suas fortunas ainda maiores.</p> <p>Não temos dúvidas de que mudanças como essas são essenciais para que possamos adentrar ao Mundo de Regeneração, onde provaremos que os valores do Espírito prevaleceram perante as ambições da matéria.</p> </div> Thu, 27 Feb 2020 22:22:39 +0000 Editor 768 at http://www.folhaespirita.com.br/v2 Edição janeiro de 2020 http://www.folhaespirita.com.br/v2/node/767 <p><a href="https://pt.calameo.com/read/000143697a537aa698345" target="blank"><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/capinhas/01-20.jpg" width="400" alt="FE de janeiro 2020" title="FE janeiro 2020" align="left" style="margin: 15px 15px 5px 0px" /></a><br /> <b>DESTAQUES DESSA EDIÇÃO</b></p> <ul> <img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> O poder do pensamento <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> A crença em reencarnação no Brasil</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Campos organizadores biológicos. O que são?</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Cartilha contra relacionamentos abusivos</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Evangelização sim. Desde o berço</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> A caridade e a prática do amor</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Liberdade com responsabilidade</p> </ul> <p><br /><br /> Se você é assinante da versão online, clique na imagem ao lado para ler a edição atual. <br /><br /> Se ainda não é assinante, <a href="http://www.feeditora.com.br/folha-espirita/promocao-de-aniversario-43-anos" target="blank">assine agora mesmo aqui e ganhe de brinde o livro <i>O Legado de Marlene Nobre</i>.</a><br /> <br /></p> <p><b>EDITORIAL</b></p> <p><b>Aceitar para renovar em 2020!</b></p> <div align="justify"> Estamos às portas de mais uma década, que se inicia certamente com uma grande quantidade de desafios para toda a humanidade. As nossas reflexões mais íntimas nos convidam a elaborarmos uma lista de desejos para o ano que se inicia, em sua maioria composta de conquistas pessoais, mudanças profissionais, prosperidade material, um novo relacionamento afetivo, perder peso, vencer um vício e por aí vai. <p>O novo ciclo chega como se fôssemos capazes de em um novo ano sermos totalmente diferentes, e com isso até mesmo abandonarmos o nosso “eu” do ano anterior, como se um ciclo terrestre em torno do Sol fosse capaz de uma transformação sem precedentes. É importante que se tenha em mente que as mudanças são possíveis, sim, mas elas devem ser o resultado de uma reflexão, uma aceitação.</p> <p>A nossa querida Marlene Nobre, que por tantos anos esteve à frente da Folha Espírita, costumava repetir sempre: “Tudo aquilo que conquistamos no campo do Bem já faz parte de nós e carregamos para a eternidade, e o Mal que ainda temos, esse é passageiro”. Então, não temos dúvidas que tudo aquilo que desejamos vencer é possível, bem como que um novo ciclo, um novo ano, representa esse momento de renovação, de realmente nos comprometermos com os avanços e as conquistas que desejamos. Entretanto, cabe-nos aqui reforçar a importância do aprendizado e da aceitação das situações que vivemos para que, por meio da compreensão e da aceitação, possamos promover a renovação e o crescimento.</p> <p>Lembremo-nos de que o exercício da aceitação diante dos desafios do ano porvindouro será um grande suporte para que nossos dias se tornem mais harmoniosos e produtivos. Assim, dividimos com os nossos leitores esta bela mensagem de Emmanuel, por intermédio da psicografia de Chico Xavier, no livro Busca e acharás:<br /> <i>Aceitarás a dificuldade, não por fardo de aflição que te arrase as energias, mas por ensinamento que te habilite à mais ampla aquisição de experiência. Não te rebelarás contra a enfermidade...<br /> Saberás, no entanto, afastá-la com os recursos curativos de que disponhas, imitando o devotamento do lavrador que protege a enxada em cuja cooperação encontra o pão de cada dia.<br /> Entenderás os seres amados que te apresentem lamentáveis quadros de provação, tolerando-lhe, com serenidade, até mesmo as injúrias...<br /> Ainda que seja a distância, porém, não só farás o possível para desculpá-los, como também te empenharás a auxiliá-los na melhoria do Espírito.<br /> Suportarás a preterição e o menosprezo nas áreas da atividade profissional...<br /> Não renunciarás, contudo, ao dever de aprimorar-te, a fim de ser mais útil à comunidade à qual te vinculas.<br /> Até mesmo em nós próprios, admitiremos certas falhas de extinção difícil, chegando a medir com sinceridade, a extensão de nossas deficiências...<br /> Mas prosseguiremos, fazendo o melhor de nós, até que nos sintamos curados das imperfeições que nos caracterizem, com o esmeril do trabalho, ao calor da responsabilidade constante.<br /> Paciência é compreensão.<br /> Compreensão é luz de amor.<br /> Aceitemos os obstáculos por testes de resistência, e as provas por lições...<br /> Entretanto, saibamos acolhê-los, agindo sempre por superá-los na expansão do bem, de vez que estamos todos na forja da luta evolutiva, com a certeza de que degraus para cima é que configuram a estrada de elevação.<br /> Emmanuel</i><br /> Feliz 2020!</p> </div> Wed, 08 Jan 2020 23:59:23 +0000 Editor 767 at http://www.folhaespirita.com.br/v2 Edição dezembro de 2019 http://www.folhaespirita.com.br/v2/node/766 <p><a href="https://pt.calameo.com/read/0001436974ba5f2c77bf6" target="blank"><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/capinhas/12-19.png" width="400" alt="FE dezembro 2019" title="FE dezembro de 2019" align="left" style="margin: 15px 15px 5px 0px" /></a><br /> <BR /><b> EDIÇÃO ABERTA PARA TODOS.<br /><br /> CLIQUE NA IMAGEM PARA LER.</b><br /> <BR /></p> <p><b>DESTAQUES</b></p> <ul> <img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Gugu, alegria em compartilhar a vida até na despedida <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> A gratidão modifica vidas</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> A lição de Henry Sobel</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Maior parte dos espíritas se converteu</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Morte, renascimento e evolução</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> A Virgem Lorena e Léon Denis</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Raciocine e pondere antes de falar!</p> </ul> <p><br /></p> Wed, 11 Dec 2019 04:22:39 +0000 Editor 766 at http://www.folhaespirita.com.br/v2 Edição novembro 2019 http://www.folhaespirita.com.br/v2/node/765 <p><a href="https://pt.calameo.com/read/0001436972e1ba22b9c0d" target="blank"><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/capinhas/11-19.jpg" width="400" alt="FE de novembro 2019" title="FE agosto de 2019" align="left" style="margin: 15px 15px 5px 0px" /></a><br /> <b>DESTAQUES DESSA EDIÇÃO</b></p> <ul> <img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Cidade do México recebe 1,8 mil para o 9º Congresso Espírita Mundial <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Cinco anos da TV Nupes</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Idade não é problema</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Ainda sobre o cenário religioso brasileiro</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Fundamentos do campo biomagnético</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Gerações e evolução espiritual</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Companheiros além das aparências</p> </ul> <p><br /><br /> Se você é assinante da versão online, clique na imagem ao lado para ler a edição atual. <br /><br /> Se ainda não é assinante, <a href="http://www.feeditora.com.br/folha-espirita/promocao-de-aniversario-43-anos" target="blank">assine agora mesmo aqui e ganhe de brinde o livro <i>O Legado de Marlene Nobre</i>.</a><br /> <br /></p> <p><b>EDITORIAL</b></p> <p><b>Ativismo pró-aborto: dados falsos e desinformação</b></p> <div align="justify"> O artigo assinado por Raphael Câmara Medeiros Parente, doutor em Ginecologia, mestre em Saúde Pública, médico ginecologista da UFRJ e conselheiro do Conselho Federal de Medicina, publicado em 14 de outubro na Folha de S. Paulo, declara que o principal argumento de ativistas pró--aborto, de que o aborto ilegal mata milhares por ano no Brasil, é falso. <p>Segundo este pesquisador, com base nas informações do DataSUS, do Ministério da Saúde, o dado real é de 48 mortes anuais por aborto no Brasil. Essa é a média de 2014 a 2016, incluindo abortos naturais. “As 48 mortes por ano não configuram questão de saúde pública – por definição, evento que tenha impacto por meio de mortalidade aumentada, custos de tratamento para a sociedade e potencial epidêmico”, afirma o médico.</p> <p>Ele continua sua argumentação: “Em 2018, falei no Supremo, na ADPF (Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental) 442, sobre descriminalização da prática. Desconstruí dados falsos, demonstrando que não há no Brasil mulher presa por aborto; que o aborto legal não é seguro; que países onde é liberado têm aumento das taxas (no Uruguai cresceu 37%, contradizendo a tese de que legalizar reduz). A maior parte dos estudos sobre o tema é parcial, feita por pessoas favoráveis ao aborto. Pouco se fala de trabalhos nas melhores revistas médicas, como a The Lancet, que revelam maior mortalidade, índices de trombose e distúrbios psicológicos de quem fez aborto”.</p> <p>No artigo, Intitulado Ativismo pró--aborto: dados falsos e desinformação, o médico afirma que o Supremo voltou a pautar a ADI (Ação Direta de Inconstitucionalidade) 5.581 para autorizar infectadas por Zika a abortarem: “A liberação em casos de anencefalia, em 2012, gerou decisões permitindo a prática em outras doenças fetais. A legalização nos casos de Zika teria o potencial de autorizar o aborto em centenas de condições que possam causar malformações, como infecção por rubéola, sífilis etc. Não há outro nome que não eugenia”.</p> <p>E avalia: “Os exames são incapazes de detectar com segurança a infecção na gravidez – e os resultados, descartáveis, por terem reação cruzada com outros flavivírus, como o da dengue, e até para quem se vacinou contra febre amarela. Podem indicar, ainda, infecção antes da gravidez. O PRNT, exame que permite tirar a dúvida, é caro e indisponível. Estudo da agência americana CDC (Centros de Controle e Prevenção de Doenças) mostrou que 73% dos laboratórios daqui têm baixa precisão. Não podemos falar em bebês infectados por Zika, mas em grávidas talvez infectadas. Mataremos fetos baseados neste baixo grau de precisão?”</p> <p>Parente recomenda que os casais que engravidaram e pensam em abortar deveriam se lembrar de que há, em todo o Brasil, longas filas de adoção, formadas por pessoas cujo maior sonho é o de serem pais. Essas palavras vão ao encontro do que o Espiritismo defende.</p> </div> Tue, 05 Nov 2019 18:14:52 +0000 Editor 765 at http://www.folhaespirita.com.br/v2 Edição outubro de 2019 http://www.folhaespirita.com.br/v2/node/764 <p><a href="https://pt.calameo.com/read/00014369763b05278098c" target="blank"><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/capinhas/10-19.jpg" width="400" alt="FE de agosto 2019" title="FE agosto de 2019" align="left" style="margin: 15px 15px 5px 0px" /></a><br /> <b>DESTAQUES DESSA EDIÇÃO</b></p> <ul> <img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Cardiologia sai na frente e recomenda que espiritualidade seja tratada nas consultas <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Religião e nível educacional. Existe ligação?</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> 215 anos do nascimento de Kardec</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Carta a um herói, o irmão</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Quanto mais possessivo, menos feliz</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> As diversas formas de caridade</p> </ul> <p><br /><br /> Se você é assinante da versão online, clique na imagem ao lado para ler a edição atual. <br /><br /> Se ainda não é assinante, <a href="http://www.feeditora.com.br/folha-espirita/promocao-de-aniversario-43-anos" target="blank">assine agora mesmo aqui e ganhe de brinde o livro <i>O Legado de Marlene Nobre</i>.</a><br /> <br /><br /> <br /></p> <p><b>EDITORIAL</b></p> <p><b>215 anos do nascimento de Kardec</b></p> <div align="justify"> O dia 3 de outubro confere ao Movimento Espírita uma reflexão profunda e carreada de muita gratidão e admiração pelo professor lionês Hippolyte Léon Denizard Rivail, Allan Kardec, que regressava à vida terrena nessa data em 1804. Para celebrar os 215 anos do seu nascimento, destacamos aqui breves trechos que nos colocam diante de um espírito realmente diferenciado, que renasceu com uma grande bagagem espiritual e intelectual para desempenhar o papel que lhe havia sido designado.<br /><br /> No excelente O livro dos Espíritos e sua tradição histórica, Canuto de Abreu eterniza as palavras de Kardec: “Hoje, finalmente, 18 de abril de 1857, posso dizer que lancei a público o trabalho mais importante de minha vida pelo enorme benefício que, certamente, espalhará. E isto devo...” Susteve a pena por instante e, tirando da gaveta central um dossiê de couro marrom, bojudo de papéis escritos, desatou-o e foi rebuscando entre folhas soltas a comunicação que lhe viera à lembrança ao escrever “devo”. Tinha esta nota à margem: “De Zéphir, em 5 de janeiro de 1857, data em que entreguei o manuscrito d’O Livro dos Espíritos a Madame Dentu”. Evocando, mentalmente, o Espírito amigo que lhe dera, continuou a escrever após a palavra “devo”: “...Em primeiro lugar a ti, caro Amigo, prezado Companheiro de outrora. Quero deixar aqui transcritas, em destaque, as tuas palavras”: “Mas qual! A Verdade não será conhecida tão cedo, nem acreditada pela maioria antes que decorram muitos anos”.<br /><br /> “Você não verá nesta existência se não a aurora do sucesso desta obra”.<br /> “Terá que voltar à Terra, reencarnado noutro corpo, para completar o que está<br /> apenas começando a fazer”.<br /> “Só então verá em plena messe os primeiros frutos da sementeira que O livro dos Espíritos vai espalhar pelo mundo”.<br /> “Agora você terá somente invejosos e competidores que procurarão denegri-lo e contradizê-lo. Não se desencoraje, porém! Nem se inquiete com o que disserem ou fizerem contra! Prossiga na tarefa! Continue incessantemente a trabalhar pelo progresso da Humanidade!”<br /> “Enquanto perseverar na via do Bem, onde entrou, você será sustentado fortemente pelos Espíritos bondosos e servos d’A Verdade”.<br /> “No começo do ano passado, prometi minha amizade aos que durante o curso dos Ensinos se portassem convenientemente em todas as circunstâncias. O ano acaba de findar. Quero cumprir a minha promessa, anunciando-lhe: você foi o escolhido”.<br /><br /> Ao “escolhido”, que jamais desistiu de trabalhar pelo progresso da humanidade e que retornou à vida terrena como Chico Xavier, no século XX, para dar continuidade em sua obra por intermédio não só da ampliação das revelações do mundo espiritual, mas também de seu exemplo de vida inquestionável, em que a prática dos ensinamentos do Cristo foi vivenciada em sua plenitude, o nosso profundo e eterno agradecimento por tanto amor e exemplos dedicados à humanidade. Homenageamos e reverenciamos esse Espírito de escol, que certamente continua a servir ao Cristo nos páramos da Espiritualidade Maior. </div> Tue, 08 Oct 2019 22:55:48 +0000 Editor 764 at http://www.folhaespirita.com.br/v2 Edição setembro de 2019 http://www.folhaespirita.com.br/v2/node/763 <p><a href="https://pt.calameo.com/read/00014369771d1866d99f0" target="blank"><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/capinhas/09-19.jpg" width="400" alt="FE de agosto 2019" title="FE agosto de 2019" align="left" style="margin: 15px 15px 5px 0px" /></a><br /> <b>DESTAQUES DESSA EDIÇÃO</b></p> <ul> <img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Amazônia, o planeta e a responsabilidade de cada um <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Mais mulheres espíritas no Brasil</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> A quarta dimensão e o hiperespaço</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Animal não é “coisa”</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> História não contada do Espiritismo</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Dar valor para o que se tem</p> <p><img src="http://www.folhaespirita.com.br/v2/imgs/setinha3.gif" /> Quando o amor transforma vidas</p> </ul> <p><br /><br /> Se você é assinante da versão online, clique na imagem ao lado para ler a edição atual. <br /><br /> Se ainda não é assinante, <a href="http://www.feeditora.com.br/folha-espirita/promocao-de-aniversario-43-anos" target="blank">assine agora mesmo aqui e ganhe de brinde o livro <i>O Legado de Marlene Nobre</i>.</a><br /> <br /><br /> <br /></p> <p><b>EDITORIAL</b></p> <p><b>Bezerra de Menezes homenageado no Senado</b></p> <div align="justify"> O Senado brasileiro homenageou, no dia 29 de agosto, em sessão especial, o médico Adolfo Bezerra de Menezes Cavalcanti, mais conhecido como Doutor Bezerra de Menezes, ou o “médico dos pobres”. O dia foi escolhido por ser a data em que o médico nasceu, em 1831.<br /><br /> O autor do pedido para a homenagem, o senador Eduardo Girão (Podemos-CE), definiu Bezerra de Menezes como grande pacifista e humanista do século XIX:<br /> Além de médico e escritor, ele também foi vereador e deputado e lutou por causas à frente de seu tempo. É uma trajetória brilhante, de muita superação. Ele levou muita luz para essa Terra, como médico, como político libertário, um dos grandes responsáveis pela abolição da escravatura no Brasil”, destacou.<br /><br /> O presidente da Federação Espírita Brasileira (FEB), Jorge Godinho Nery, ressaltou que o exemplo de Bezerra de Menezes deveria ser seguido por todos os médicos, espíritas e por todos os políticos, lembrando que ele se declarou espírita assim que teve contato com <i>O Livro dos Espíritos</i>, de Allan Kardec: “Ao longo do trajeto da minha leitura, eu fui tomando consciência, achando que eu tinha nascido espírita e eu nasci espírita”, teria dito Bezerra.<br /><br /> O senador Nelsinho Trad (PSD-MS) lembrou a coragem de Bezerra de Menezes de se assumir espírita e defender o direito das pessoas de seguir o Espiritismo em uma época na qual a Doutrina não era aceita. O juiz José Carlos de Lucca, palestrante espírita, destacou a preocupação do homenageado com pessoas consideradas “invisíveis”: “Bezerra de Menezes olhava para os invisíveis, para os que não tinham nome, os que não tinham dignidade, os que não eram ouvidos pelo Estado e pelos poderes públicos”.<br /><br /> O presidente da Federação Espírita do Ceará, Luciano Klein, biógrafo de Bezerra de Menezes, afirmou que sua pesquisa permitiu a constatação da grandeza do médico. De acordo com Klein, ele era um pai amoroso, que suportou a perda de 8 dos seus 14 filhos por doenças como a febre tifoide: “Era alguém que, diferentemente de muitos de nós, pregava o que vivia e vivia o que pregava cotidianamente, sempre tendo a preocupação precípua de atender alguém que padecia de algum mal, de alguma dificuldade, nos momentos de sua trajetória de vida”.<br /><br /> Durante a homenagem, foi exibido um trecho do filme <i>Bezerra de Menezes – O Diário de um Espírito</i>. O ator Carlos Vereza, que interpretou o médico no filme, também participou da solenidade. O escritor Alexandre Caldini, autor do livro <i>A Morte na Visão do Espiritismo</i>, destacou a evolução de Bezerra de Menezes na Terra e definiu a homenagem como uma pequena retribuição de todo o bem que o médico fez ao próximo. Para ele, a lei de Deus pode ser traduzida pelo amor, pela caridade e pelo bem.<br /><br /> Uma grande homenagem, sem dúvida, ao doutor Bezerra de Menezes e ao Espiritismo! </div> Thu, 05 Sep 2019 12:18:53 +0000 Editor 763 at http://www.folhaespirita.com.br/v2