AMIGO FOLHA ESPÍRITA

Você pode ajudar a divulgação da Doutrina. Colabore com a Folha Espírita e faça a sua parte

Quero Contribuir

ir

ir

ir

ABRIL/2024

ir

MARÇO/2024

ir

FEVEREIRO/2024

ir

JANEIRO/2024

ir

DEZEMBRO/2023

ir

NOVEMBRO/2023

ir

OUTUBRO/2023

ir

SETEMBRO/2023

ir

AGOSTO/2023

ir

JULHO/2023

ir

JUNHO/2023

ir

MAIO/2023

ir

ABRIL/2023

ir

MARÇO/2023

ir

FEVEREIRO/2023

ir

JANEIRO/2023

ir

DEZEMBRO/2022

ir

NOVEMBRO/2022

ir

OUTUBRO/2022

ir

SETEMBRO/2022

ir

AGOSTO/2022

ir

JULHO/2022

ir

JUNHO/2022

ir

MAIO/2022

ir

ABRIL/2022

ir

MARÇO/2022

ir

FEVEREIRO/2022

ir

JANEIRO/2022

ir

DEZEMBRO/2021

ir

NOVEMBRO/2021

ir

OUTUBRO/2021

ir

SETEMBRO/2021

ir

AGOSTO/2021

ir

JULHO/2021

ir

JUNHO/2021

ir

MAIO/2021

ir

ABRIL/2021

ir

MARÇO/2021

ir

FEVEREIRO/2021

ir

JANEIRO/2021

ir

DEZEMBRO/2020

ir

NOVEMBRO/2020

ir

OUTUBRO/2020

ir

Por que os mansos e pacíficos possuirão a Terra?

Globo terrestre segurado por quatro mãos
Globo terrestre segurado por quatro mãos

“Bem-aventurados os mansos, porque eles possuirão a Terra” (Jesus – Mat. V:9).
“Bem-aventurados os pacíficos, porque serão chamados filhos de Deus” (Jesus – Mat. V:9).

Sem dúvida, a verdadeira vida é a espiritual, mas viver na Terra é necessário para que coloquemos em prática as lições que aprendemos na espiritualidade. Portanto, quando mais equilibrado for o planeta e a vida nele, sendo cada vez mais próxima das lições imorredouras do Cristo, melhor será para todos nós.

Da mesma forma que evoluímos na direção do progresso e da perfeição, a Terra também vai apresentando sensíveis melhoras, tornando-se um ambiente mais agradável e apropriado ao exercício das nossas tarefas e obrigações materiais. Daí a necessidade de zelarmos por essa moradia passageira, mas de reconhecida importância para a nossa evolução espiritual, aliás a meta intransferível de todas as criaturas humana.

Jesus informa que os mansos e pacíficos possuirão a Terra e serão chamados filhos de Deus porque aqueles que não se enquadrarem no contexto dessas exigência, por descuido, indiferença ou mesmo indisciplina, dia chegará em que não mais terão condições de permanecer na Terra, devendo então, serem removidos para planetas em condições inferiores ao nosso, onde, com muitos sacrifícios e sofrimento, terão de corrigir as suas falhas.

Nesse caso, a permanência dessas criaturas invigilantes e contrárias aos ensinamentos de Jesus em nosso planeta prejudicaria o desenvolvimento daquelas que já se adequaram aos padrões morais indispensáveis. Essas então, tendo adquirido a mansidão e o equilíbrio, permanecerão no orbe terrestre, que já estará em sublimes condições de vida. Esse será o prêmio pela fidelidade aos valores morais apregoados pelo notável Evangelho de Jesus.

O momento do realinhamento da Terra, para que tenhamos uma vida mais condizente com as nossas necessidades está acontecendo agora, por isso estamos vendo tantas transformações e mesmo tantos conflitos e desafios, pois que aqueles que ainda resistem ao progresso, de todas as formas e maneiras, tentam impedir a roda da evolução. O progresso, porém, dentro das Leis Universais, é inexorável, então os que não o aceitam, por questões íntimas, terão de responder pelos seus atos e, por certo, não terão condições de permanecerem por aqui.

Diante dessa assertiva de Jesus, melhor para todos nós que nos conscientizemos sobre essa insofismável realidade e nos preocupemos, com afinco, sobre como estamos conduzindo a nossa vida na atualidade. Se estivermos distantes das imprescindíveis lições do Cristo, nos apressemos para mudar ou então nos preparemos para sofridos revezes no futuro. A Terra, conforme afirma Jesus, será habitada pelos mansos e pacíficos. Será que estaremos dentre eles? Reflitamos…

Próximas Matérias